Os problemas que a má gestão dos resíduos trazem para a saúde da população

  • Os problemas que a má gestão dos resíduos trazem para a saúde da população

    Os problemas que a má gestão dos resíduos trazem para a saúde da população

    A má gestão dos resíduos traz inúmeros problemas para a população. Engana-se quem acredita que só os moradores que vivem próximos aos aterros ou os profissionais envolvidos na coleta do lixo são afetados por esse problema.  Um pesquisa feita pela Associação Internacional de Resíduos concluiu que, só no Brasil, existem 75 milhões de pessoas que sofrem as consequências da gestão inapropriada do lixo, o que totaliza quase um terço da população. Uma das principais decorrências desse problema são os danos causados à saúde da população.

    Veja a seguir algumas doenças que podem ter origem na má gestão dos resíduos.

    Viroses

    A destinação inapropriada dos resíduos pode contaminar o meio ambiente e a água trazendo um impacto para um grupo consideravelmente grande de pessoas que consomem esses produtos.

    Quem nunca se deparou com notícias do aumento do número de casos de virose nas regiões litorâneas em decorrência da água contaminada?

    Quem nunca foi ou conhece alguém que tenha sido vítima de uma dessas viroses? É prova de que as consequências da má gestão dos resíduos estão mais perto de nós do que acreditamos.

    Leptospirose

    O lixo depositado nas ruas pode atrair inúmeros animais como ratos, baratas e moscas que são transmissores de inúmeras doenças. Com a chegada das chuvas, os lixos acumulados nas ruas obstruem os bueiros, contribuindo para os alagamentos.

    A água dos alagamentos é fonte de várias enfermidades, entre elas a leptospirose, transmitida através da urina do rato.

    Dengue, malária, febre amarela

    Outro problema relacionado ao lixo e à chuva é a proliferação de mosquitos que são poderosos transmissores de doenças como dengue, febre amarela e malária. Em meio ao lixo espalhado pelas ruas, existem muitos materiais que podem acumular água como latas, recipientes plásticos e pneus que são criadouros potenciais de mosquitos.

    Diarreia

    O lixo espalhado pelas ruas atrai moscas e baratas, que depois de pousar no lixo, podem pousar sobre os alimentos da população transmitindo várias doenças, como a diarreia.

    Problemas respiratórios

    A carência na coleta do lixo faz com que muitas vezes a população opte por queimar os excedentes. A queima do lixo pode liberar inúmeros gases tóxicos que provocam problemas respiratórios para a população.

    Como você e a sua empresa estão tratando a gestão dos resíduos? Entre em contato com a SS Ambiental se precisar de mais informações acerca do tema!

     

     

    Comments are closed.